O que são as soluções de financiamento?

Embora a expressão “soluções de financiamento” pareça simples à partida, encerra algo mais que uma pura compreensão do que significa no seu âmago central. A verdade é que a sua natureza real é muitas vezes ignorada, o que acaba por causar alguns dissabores na hora de passar à acção e partir para a concretização de um financiamento. Na sua génese mais básica, o financiamento é aquilo que o termo encerra, isto é, o acto ou efeito de financiar. Contudo, um olhar mais cuidadoso é determinante para que se perceba o facto de que a palavra designa igualmente a capacidade ou habilidade para gerir algo financeiramente. Assim, o vocábulo não determina somente o suporte monetário, mas também a gestão adequada do mesmo, actuando assim nestes dois quadrantes. Apesar da dupla acepção da palavra financiamento, o objectivo comum de cada um dos aspectos que lhe são inerentes apontam invariavelmente em direcção a uma mesma...

continuar a ler...

Financie os seus projectos

As opções flexíveis do Crédito Pessoal Barclays constituem uma solução de financiamento simples e vantajosa, para que os seus projectos sejam já uma realidade. O Barclays aprova o seu crédito com máxima rapidez, de forma simples e sem burocracias. Use o nosso simulador de crédito e comece já hoje a concretizar os seus projectos. Com as soluções integradas do Barclays poderá obter as melhores condições:
    • Financiamento até 30.000€ • Prazos alargados até 84 meses • Grande flexibilidade de Opções:
  • Opção de Carência de Capital até 6 meses, ou
  • Opção de Valor Residual até 30%
  • • Em 48 horas, tem o dinheiro na sua
...

continuar a ler...

Crédito Estudantes – BESup Vida Académica

Todos os anos, as famílias fazem um grande esforço financeiro para pagar os estudos dos filhos. As despesas são bastantes e aumentam quando se trata de cursos superiores. Optar por um crédito pode ser uma solução. Uma formação de nível superior habilita, os que dela beneficiam a obter um nível de rendimento que permite recuperar o valor do investimento efectuado de forma mais fácil. O BES disponibiliza um produto financeiro, o BESup Vida Académica que se apresenta como uma solução válida para todos os estudantes que querem libertar os pais da maior parte das despesas com o curso, optando depois, pela amortização do empréstimo. Com este produto, durante os estudos, só são pagos juros. No final do curso, o recem licenciado pode optar por não começar logo a amortizar o empréstimo, optando por ficar até um ano sem pagar ou pagar apenas juros. Depois de ganhar autonomia, o estudante pode aí...

continuar a ler...

Prestação Zero

Gostava de poder começar a pagar o seu crédito apenas passado 12 meses de o contrair? É isso que o Prestação Zero do Banco Primus lhe possibilita, ficar livre de prestações mensais durante 12 meses. O PRESTAÇÃO ZERO é um produto financeiro de curto prazo que permite obter um financiamento hoje e pagá-lo no final do contrato, ou seja, ao fim de 12 meses. Esta solução financeira disponibiliza-lhe montantes elevados de capital com uma prestação competitiva. Este produto financeiro é destinado a clientes Particulares ou Empresários em Nome Individual:
  • Que pretendam levantar capital
  • Que queiram financiar oportunidades de investimento e projectos profissionais (expansão de negócio, reestruturação de passivos, resolução de problemas de tesouraria)
  • Que desejem financiar os seus projectos pessoais
  • Que procurem uma solução a curto prazo com carência de capital e juros durante 1 ano
O pagamento do capital e juros é feito apenas no final do contrato, ou seja,...

continuar a ler...

É inevitável uma desaceleração do crédito

Na Comissão de Orçamento e Finanças, o Governador do Banco de Portugal afirmou que o crédito registou um desempenho acima do esperado em 2008, embora já em desaceleração, mas que em 2009 este movimento será mais forte. Vítor Constâncio considera também que será “inevitável uma desaceleração do crédito” concedido à economia em Portugal. Dados hoje divulgados pelo Banco de Portugal mostram que apesar da crise no mercado de crédito, os bancos portugueses continuam a aumentar o financiamento às empresas e também às famílias. O crédito concedido às empresas subiu de 110,7 mil milhões em Outubro para 111,5 mil milhões de euros, o que representa um aumento de 0,7%. No crédito às famílias o financiamento concedido atingiu 132,8 mil milhões de euros, o que representa uma subida de 0,3% contra Outubro e de 4,2% face a Novembro do ano passado. O governador considera que não será possível distinguir entre o que é explicado por maior...

continuar a ler...